Uma Suave Brisa - 1 Reis 19. 12-13

 

 

ICT.: Elias ouviu o Senhor através de uma suave brisa.

O.G.: Pastoral

Palavras-chave: Vento. Cicio. Brisa. Suavidade. Calma. Fogo. Voz. Paz.

Data: 14 de junho de 2015. PIB em Goiânia. Culto da Noite.

 

Introdução

Às vezes pensamos e pedimos que Deus resolva, que jogue fogo, que faça um terremoto e faça ventar muito. Queremos algo grande e que faça barulho. Vivemos em dias de muito barulho, mas Deus hoje quer falar com cada um de nós através de uma Suave Brisa.

---leitura do texto---

A Experiência de Elias (Dramatizada). Um profeta, tendo passado maus bocados estava fugindo do mundo, mas é impossível fugir de Deus e Deus guarda e ama os seus, por isso, Elias buscou ainda mais o Senhor, e nessa jornada o encontrou. No alto do monte veio um forte vento, um terremoto, e um fogo. Mas Deus não estava neles. Então ouviu Elias uma suave brisa, um cicio tranquilo e suave. Ele cobriu o rosto em reverência e ouviu a voz do Senhor.

É sobre esta suave brisa que refletiremos nesta noite.

Contexto: Após fugir de Acabe e Jezabel, elias fora para a cidade de Berseba e depois caminharia 300Km até o Monte Horebe, o Monte de Deus, o mesmo Sinai onde Moisés recebeu de Deus os 10 mandamentos e a Lei (Deut 4. 10-12).

 

 

1 – A Busca

Um coração perturbado, uma ansiedade sem tamanho, uma crise a ser vencida. Quer por necessidade, quer por curiosidade, todos buscam a Deus, Elias conhecia o Senhor, mas as tribulações da vida o tiraram do foco e do eixo. Perturbado e confuso, saiu em fuga para o deserto, tinha motivos concretos para fugir, mas tinha motivos ocultos para clamar e buscar o Senhor.

Nesta história vemos que, embora tenha fugido, Deus o encontrou e o conduziu ao seu Santo Monte onde pode então ouvi-lo falar.

Devemos buscar ao Senhor todos os dias de nossas vidas, mas há dias que devemos busca-lo ainda mais. O mais impressionante é que Deus quer deixar se achar por você.

Mas o que significa esta busca por Deus?

  • Necessidade Primária: Já quase me afoguei e sei o que é precisar de ar. Bem é esta a situação do homem, que busca a Deus, por absoluta necessidade de estar, de ouvir, de sentir o toque do Senhor. “Com a corsa anseia por águas...”) EU preciso do Senhor, todos nós precisamos de Deus, mesmo que você não queira, mas você precisa.

  • É fazer uma caminhada. Já temos falado muito sobre Jornadas, mas vejo a necessidade de insistir que “intimidade com Deus não se faz às pressas”,  (E. M. Bounds), e que precisamos dedicar uma vida inteira ao Senhor. Elias andou 300 Km (40 dias e 40 noites). Mas foi preciso dar o primeiro passo. E Elias deu, o primeiro, o segundo e movido pelo desejo e buscar ao Senhor ele deus vários outros. Depois do primeiro passo.

  • Destino certo. Elias foi para um rumo conhecido, no monte, poderia se distrair dom tudo o que viu e ouviu. Eram impressionantes o vento, o fogo, o terremoto, mas ele não estava lá para ver coisas, estava lá para buscar o Senhor, e o encontrou numa Suave Brisa.

Aplicação: “Ouve, SENHOR, a minha voz; eu clamo; compadece- te de mim e responde- me. Ao meu coração me ocorre: Buscai a minha presença; buscarei, pois, SENHOR, a tua presença. Não me escondas, SENHOR, a tua face, não rejeites com ira o teu servo; tu és o meu auxílio, não me recuses, nem me desampares, ó Deus da minha salvação.” Salmo 27.6. E lembre-se: Cristo venceu o mundo.

 

2 -  O Mundo

Elias estava inserido dentro de um contexto terrível: idolatria, corrupção, maldade, a pura essência da maldade humana estava naqueles dias e poderia ser personificado em 2 pessoas: Acabe e Jezabel. Observe que Elias era a pessoa correta, num mundo corrompido e isso causava mal estar aos que estão no mundo, mergulhados até a cabeça de iniquidade. Sim, vivemos dias maus. Dias tenebrosos, como aqueles de Elias.

O Certo passa a ser duvidoso, o Errado aceitável e assim vai se levando a vida, que afasta o homem de Deus. Elias teve que fugir por causa do grande mau que havia naquela cidade naquele tempo.

Jesus encontrou esta mesma maldade em seus dias, pois esta maldade não está no mundo no sentido geográfico, mas infelizmente nos corações dos homens sim, o mundo está no coração daquele que ainda não encontrou o Senhor. Observe...

  • Vento – muda as coisas de lugar. Leva e trás. Derruba, arrasa.

  • Terremoto – tira o nosso chão. Tira nosso equilíbrio e nos faz cair.

  • Fogo: destrói completamente. Consome

Aplicação: Há muitos que buscam ventos, terremotos e fogo. Esta experiência nos ensina a perceber que estas coisas nos afastam da verdadeira busca pelo Senhor. Uma busca numa Suave Brisa.

 

3 – A Voz de Deus.

De tudo de impressionante e barulhento e visualmente grande, passou , parou. Deus não estava e nenhum deles. Mas veja que a busca tinha um objetivo e Elias estava atento, pois os sons e imagens que vira não era o que buscava. Então houve silencia no monte, o fogo cessou. Era poucos instantes, eram instantes eternos então veio uma suave, muito suave brisa. Com a delicadeza do toque de Deus, apenas sentia a mais leve brisa que podia soprar naquele alto monte. Não moveu as pedras, não tirou o chão, nem consumiu nada, a não ser o coração daquela home de Deus. , Sim no meio do mais tranquilo ato de Deus, a própria pessoa do Senhor, e Elias entendeu.

Cobriu o rosto, era demais para ele, homem de lábios impuros, homem com temores humanos, simplesmente homem. Cobriu o rosto, para poder ouvir a Senhor. E ouviu. E se preparou para ouvir o que precisa ouvir.

Elias sabia que não ouviria o que queria, mas exatamente o que precisava e o que todo o povo também precisava ouvir.

  • Uma Pergunta: “O que fazes Aqui?”  - Soou como : “Como chegamos aqui, Elias?” Pois há situações que nos pomos, e depois pedimos ajuda. Na nossa soberba, ou vaidade, ou simplesmente teimosia. Deus foi direto, como sempre é. E sabia que Elias sabia. E penso num complemento desta frase: ë já que chegamos aqui, vamos resolver isso.” E deu-lhe 3 missões:

  •  Uma Tarefa: Ungir 2 reis e 1 Profeta. Deus não discute com nossas tolices. Resolve, nos dá responsabilidades. Alguns questionam o silêncio de Deus, mas o que dizer se você não quer ouvir. Agora Elias estava pronto. Estes 3 ungidos iriam resolver o problema da idolatria no futuro.

  • Uma explicação: 7.000 joelhos que não se dobraram diante de Baal. “Elias, o meu reino é maior que você”

Aplicação: E tudo isso numa suave brisa.

 

Conclusão

Houve um homem que desafiou a Deus: “Queime o arbusto como fez com Moisés e eu o seguirei. Derrube os muros como fizeste com Josué e eu lutarei. Acalme as ondas como fez no mar da Galileia, e eu ouvirei.

Então o homem sentou-se em frente de um arbusto, junto ao muro e perto do mar. E esperou e esperou.

E Deus ouviu o homem e respondeu-lhe: Enviou fogo, não sobre o arbusto, mas sobre a Igreja. Derrubou um muro, não de tijolos, mas de pecados. Acalmou uma tempestade, não mar, mas de uma alma.

E Deus esperou o homem responder. Esperou e esperou.

Mas porque o homem estava olhando para os arbustos, e não para os corações, para os tijolos e não par as  vidas e para o mar e não par a as almas, achou que Deus não fizera nada. Finalmente ele olhou para Deus e indagou: “Perdeste o teu poder?”

E Deus olhou para ele e rebateu: “perdeste a audição?” (Max Lucado)

Desafio todos hoje a ouvirem a voz de Deus numa Suave Brisa, no dia que se chama hoje e sim, ouvir e obedecer.

 

 

Cântico: Calmo, Sereno e Tranquilo.

 

 

Perguntas para Casa Acolhedora – PIB em Casa

1 – O que você faria se fosse perseguido como Elias?

2 – Como Deus pode nos falar hoje?

3 – Será que há muito barulho no mundo que está nos atrapalhando?

4 – Que responsabilidades que Deus está colocando diante de você hoje?

5 – Como prestar mais atenção em Deus e nas coisas dEle.

Please reload

Featured Posts

Aquietai-vos - Salmo 46

January 5, 2015

1/4
Please reload

Recent Posts

September 13, 2015

Please reload

Follow Us
Please reload

Search By Tags
Please reload

Archive
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square